leve
como a beleza do faro
de quem não
percebe

solto
como o olhar perdido
em mar
revolto

formas breves

Nenhum comentário: